Peço bons pensamentos para a minha gatinha Padme

14/06/2014: primeira sessão de quimioterapia

Nos primeiros meses do ano passado (2013) a Padme foi diagnosticada com um fibrossarcoma de contato (um tipo de câncer decorrente das vacinas que os gatinhos tomam). Ela fez uma cirurgia para remover o tumor mas três meses depois, o danado voltou. Nova opreção foi realizada e também 15 sessões de radioterapia para tentar conter o tumor que costuma voltar no mesmo local. Apesar de ser paciente renal crônica, ela reagiu bem ao tratamento e seus rins aguentaram o tranco. Para a nossa imensa tristeza, seis meses depois o tumor apareceu novamente, na verdade, dois tumores, desta vez em local diverso do que havia sido irradiado. Infelizmente ela não pode ser operada e nem há possibilidade de novas aplicações de radioterapia. A única opção que nos restou foi a quimioterapia, numa tentativa de retardar o crescimento do tumor. Uma outra vez, um tratamento delicado por causa do problema renal. É muito triste quando praticamente não há mais esperanças de um bom desfecho e a possibilidade de ver minha amada gatinha sofrendo e passando por limitações simplesmente me corta o coração. Que Deus tenha piedade da Padme e nos dê forças para atravessar esse período de provação.



4 comentários:

Anônimo disse...

Que Pena !!! Ela melhorou? Como a Padme está? A minha está com um tipo de câncer benigno.

Nina Victor disse...

Padme continua na quimioterapia, teve um intervalo porque a imunidade dela baixou demais. Até agora foram três sessões e ela está reagindo bem. O tumor parou de crescer com a quimioterapia, pelo menos por enquanto...

Sua gatinha está bem?

Abraço!

Bixano disse...

Votos para que tudo corra pelo melhor! Com muito amor e carinho esta provação será superada. As melhoras!

Nina Victor disse...

Obrigada! Padme está aguentando firme! Agora passaremos a uma outra etapa que é uma quimioterapia via oral. Abraço!